Os Pôneis Malditos da Nissan voltaram esse ano com um novo vídeo!

Pôneis malditos, pôneis malditos la la la la la lááá

Essa pode ter sido uma das músicas/campanhas que mais grudou na sua cabeça no final de julho do ano passado. Que chegou ao TrendicsTopics (mais comentados na rede social Twitter) a tag ‘Pôneis Malditos‘ durante uma semana.

A campanha da agência de publicidade Lew’Lara\TBWA para a rede de veículos Nissan voltou à ser exibida hoje com um novo filme, desta vez com a Cavalgada dos Pôneis Malditos. A ideia foi mesmo “renovar” a campanha pois o modelo do carro é o mesmo só que com mais cavalos de potência, ou seja, mais pôneis também para os carros da concorrência.

Desta vez o vídeo pede que você NÃO clique em um botão que levará ao… [descubra no vídeo] e no final você é convidado À acessar o Hiponeitizador, que leva você até a fanpage da Nissan no Facebook para um aplicativo especial dos “novos” Pôneis Malditos para você zoar/”hiponeitizar” os amigos.

Agora veja abaixo o novo vídeo la la la la láaa:

Anúncios

Pôneis Malditos – Nova Campanha da Nissan

A montadora de carros Nissan anunciou nesta sexta-feira uma campanha que está fazendo sucesso nas redes sociais! Hoje, (30 de julho) já está entre os TrendicsTopics (mais comentados na rede social Twitter) a tag ‘Pôneis Malditos‘.

Pônei Maldito

A campanha feita pela agência de publicidade Lew’Lara\TBWA,  faz um “trocadilho” com o ‘cavalos’ e ‘pôneis’ onde que os carros da Nissan não “usam pôneis” para montar seus carros. Além disso foi criado um site especial para a campanha que leva os internautas para uma página do Facebook para enviar “Maldições de Pôneis” para os amigos da rede.

Uma das melhores campanhas que já acompanhei. Segue o vídeo abaixo e cuidado pois a música realmente fica na cabeça.

“Pôneis malditos… pôneis malditos

Vem com a gente atolar.

Odeio barro, odeio o barro. Que nojinho.

Não vou sair do lugar….”

Campanha da ATEA contra o preconceito contra ateus é lançada em Porto Alegre

A ATEA lançou nessa terça-feira, em Porto Alegre, a primeira campanha do Brasil contra o preconceito aos ateus.

A campanha consiste em outdoors que incitam o leitor a refletir sobre a questão da religiosidade. Ela havia sido rejeitada anteriormente devido a um moralismo injustificado, alegando agressividade na campanha. Não há nada de realmente agressivo nos cartazes: há a provocação, tão necessária ao pensamento filosófico.

A campanha inovadora merece todo o destaque e nós, do Broken Box, esperamos que ela se espalhe por todo o Brasil!

Segue aqui os outdoors que serão expostos durante um mês na capital, nas seguintes localidades:

Bairro Bela Vista – Av. Carlos Gomes, 1229
Bairro Santa Cecília – Av. Ipiranga, 3850 próx. Rua Barão do Amazonas
Bairro Chácara das Pedras – Av. Antônio Carlos Berta, em frente ao  Mc Donald´s
Bairro Petrópolis -Av. Protásio Alves, em frente ao Hospital Petrópolis na esquina com a Lucas de Oliveira

 

Relacionados:
Twitter ATEA 

 

 

Liga Humanista Secular do Brasil

(Fonte: Sul21)

Começou o Inverno! Post de Número 200

Era! Ducentésimo post, que honra. Como o Ziks tá emo e não percebeu, eu tomei a dianteira!}

A estação mais fria do ano, meu aniversário, festa junina, geadas, neve, natal(?) e tudo aquilo que nós já estamos acostumados. No inverno as pessoas tendem a permanecer mais juntas, buscam abrigo perto das outras, o que torna, ao meu ver, o inverno a estação mais humana do ano!
Vai dizer que tem algo melhor que um bom café em família, ou a dois? Dormir torna-se prazeroso e relaxante. Vestir roupas longas, usar aquele casaco bem confortável. Esse é o lado bom do inverno.

Infelizmente não é o único. Há também aqueles que não foram agraciados com posses. Esses são aqueles que vemos em nosso dia-a-dia, dormindo nas ruas. Por vezes crianças, por vezes adultos, mas todos com algo em comum: frio e fome.
Por isso eu digo: Participe de campanhas sociais. Doe um agasalho, doe alimentos. Faça da vontade de ajudar uma rotina, não uma obrigação. Não espere nada em troca: Ajudar não tem preço.
Independentemente de sua linha filosófica, ser um bom ser humano é sempre imprescindível. Seja você cristão, ateu (como eu), judeu, taoísta, enfim, seja o que for, ajude, pois apenas através da colaboração poderemos tornar a nossa sociedade mais inclusiva. Pode parecer utópico, mas se nunca fizermos nada nunca sairemos do lugar em relação a inclusão social.

Obrigado a todos que lerem este post, vamos fazer deste inverno um pouco mais quente.
Abraços calorosos neste frio, Icyng.

p.s. AMO (L)²² FRIO